Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade?

Translated title of the contribution: How can Open Education improve learning quality and achieve impact for learners, organizations and in society?

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapterAcademicpeer-review

4 Downloads (Pure)

Abstract

O presente capítulo discute a necessidade atual de mudanças educacionais devido a seu status de direito humano e bem comum, bem como introduz a Educação Aberta como um conceito que atende a tal demanda. Discute-se que a introdução da “abertura” (acessibilidade) promovida pela Educação Aberta tem melhorado seu elemento central, a qualidade da aprendizagem, ao facilitar e promover a inovação na aprendizagem e a mudança educacional. A análise de duas linhas concorrentes de inovação da aprendizagem e suas histórias leva à conclusão de que uma mescla é essencial para a qualidade da aprendizagem, que vai além de ambas as correntes por si só, o que é o mais importante para o sucesso da aprendizagem. Acesso Aberto, Recursos Educacionais Abertos (em inglês, Open Educational Resources – OER) e Cursos Online Abertos em Massa (em inglês, Massive Open Online Course – MOOCs) são conceitos proeminentes para Educação Aberta ao redor do mundo. Ao todo, nove dimensões de Abertura podem ser diferenciadas como base fundamental para a Educação Aberta e para o desenvolvimento de instrumentos e ferramentas a ela relacionados. Como exemplo de uma dessas dimensões (por exemplo, padrões abertos), as categorias de processo de normas de qualidade ISO/IEC 40180 (anterior ISO/IEC 19796-1) são modificadas para a Educação Aberta. Após esta definição, o breve panorama histórico da Educação Aberta apresenta seu progresso pelos últimos 4,000 anos. O objetivo deste artigo é analisar a Educação Aberta, de acordo com as três dimensões de qualidade adaptadas e aplicadas aos níveis macro, meso e micro. Essa análise tem levado ao desenvolvimento do quadro da Educação Aberta, integrando esses aspectos relevantes de qualidade, e usado como referência para categorias de processo modificadas. O Quadro da Educação Aberta pode servir como instrumento de guia para a complexidade da Educação Aberta e no desenvolvimento futuro de ferramentas relevantes. Finalmente, grandes movimentos e iniciativas em prática, bem como políticas de Educação Aberta e seus impactos são apresentados e discutidos em relação a seu impacto na pesquisa e na sociedade.
Original languageMultiple
Title of host publicationUtopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta
EditorsMaria Duran, Tel Amiel, Celso da Costa
Place of PublicationCampinas: & Niterói
PublisherUNICAMP & UFF
Pages499-545
Number of pages46
Publication statusPublished - 2018

Fingerprint

resources
learning
education
Society

Keywords

  • Educação Aberta
  • qualidade de aprendizagem
  • impacto
  • alunos
  • organizações
  • sociedade
  • OpenEd Framework
  • OER
  • MOOCs
  • MOOQ
  • Open Education
  • learning quality

Cite this

Stracke, C. M. (2018). Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade? In M. Duran, T. Amiel, & C. da Costa (Eds.), Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta (pp. 499-545). Campinas: & Niterói: UNICAMP & UFF.
Stracke, Christian M. / Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade?. Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta. editor / Maria Duran ; Tel Amiel ; Celso da Costa. Campinas: & Niterói : UNICAMP & UFF, 2018. pp. 499-545
@inbook{2872c260d21b47eeab1555ab006db347,
title = "Como a Educa{\cc}{\~a}o Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organiza{\cc}{\~o}es e na sociedade?",
abstract = "O presente cap{\'i}tulo discute a necessidade atual de mudan{\cc}as educacionais devido a seu status de direito humano e bem comum, bem como introduz a Educa{\cc}{\~a}o Aberta como um conceito que atende a tal demanda. Discute-se que a introdu{\cc}{\~a}o da “abertura” (acessibilidade) promovida pela Educa{\cc}{\~a}o Aberta tem melhorado seu elemento central, a qualidade da aprendizagem, ao facilitar e promover a inova{\cc}{\~a}o na aprendizagem e a mudan{\cc}a educacional. A an{\'a}lise de duas linhas concorrentes de inova{\cc}{\~a}o da aprendizagem e suas hist{\'o}rias leva {\`a} conclus{\~a}o de que uma mescla {\'e} essencial para a qualidade da aprendizagem, que vai al{\'e}m de ambas as correntes por si s{\'o}, o que {\'e} o mais importante para o sucesso da aprendizagem. Acesso Aberto, Recursos Educacionais Abertos (em ingl{\^e}s, Open Educational Resources – OER) e Cursos Online Abertos em Massa (em ingl{\^e}s, Massive Open Online Course – MOOCs) s{\~a}o conceitos proeminentes para Educa{\cc}{\~a}o Aberta ao redor do mundo. Ao todo, nove dimens{\~o}es de Abertura podem ser diferenciadas como base fundamental para a Educa{\cc}{\~a}o Aberta e para o desenvolvimento de instrumentos e ferramentas a ela relacionados. Como exemplo de uma dessas dimens{\~o}es (por exemplo, padr{\~o}es abertos), as categorias de processo de normas de qualidade ISO/IEC 40180 (anterior ISO/IEC 19796-1) s{\~a}o modificadas para a Educa{\cc}{\~a}o Aberta. Ap{\'o}s esta defini{\cc}{\~a}o, o breve panorama hist{\'o}rico da Educa{\cc}{\~a}o Aberta apresenta seu progresso pelos {\'u}ltimos 4,000 anos. O objetivo deste artigo {\'e} analisar a Educa{\cc}{\~a}o Aberta, de acordo com as tr{\^e}s dimens{\~o}es de qualidade adaptadas e aplicadas aos n{\'i}veis macro, meso e micro. Essa an{\'a}lise tem levado ao desenvolvimento do quadro da Educa{\cc}{\~a}o Aberta, integrando esses aspectos relevantes de qualidade, e usado como refer{\^e}ncia para categorias de processo modificadas. O Quadro da Educa{\cc}{\~a}o Aberta pode servir como instrumento de guia para a complexidade da Educa{\cc}{\~a}o Aberta e no desenvolvimento futuro de ferramentas relevantes. Finalmente, grandes movimentos e iniciativas em pr{\'a}tica, bem como pol{\'i}ticas de Educa{\cc}{\~a}o Aberta e seus impactos s{\~a}o apresentados e discutidos em rela{\cc}{\~a}o a seu impacto na pesquisa e na sociedade.",
keywords = "Educa{\cc}{\~a}o Aberta, qualidade de aprendizagem, impacto, alunos, organiza{\cc}{\~o}es, sociedade, OpenEd Framework, OER, MOOCs, MOOQ, Open Education, learning quality",
author = "Stracke, {Christian M.}",
note = "DS_Citation:Stracke, C. M. (2018). Como a Educa{\cc}{\~a}o Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organiza{\cc}{\~o}es e na sociedade? [= How can Open Education improve learning quality and achieve impact for learners, organizations and in society?] In M. Duran, T. Amiel, & C. Costa (Eds.), Utopias and Distopias da Tecnologia na Educa{\cc}{\~a}o a Dist{\^a}ncia e Aberta (pp. 499-545). Campinas: & Niter{\'o}i: UNICAMP & UFF.",
year = "2018",
language = "Multiple",
pages = "499--545",
editor = "Maria Duran and Tel Amiel and {da Costa}, Celso",
booktitle = "Utopias and Distopias da Tecnologia na Educa{\cc}{\~a}o a Dist{\^a}ncia e Aberta",
publisher = "UNICAMP & UFF",
address = "Brazil",

}

Stracke, CM 2018, Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade? in M Duran, T Amiel & C da Costa (eds), Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta. UNICAMP & UFF, Campinas: & Niterói, pp. 499-545.

Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade? / Stracke, Christian M.

Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta. ed. / Maria Duran; Tel Amiel; Celso da Costa. Campinas: & Niterói : UNICAMP & UFF, 2018. p. 499-545.

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapterAcademicpeer-review

TY - CHAP

T1 - Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade?

AU - Stracke, Christian M.

N1 - DS_Citation:Stracke, C. M. (2018). Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade? [= How can Open Education improve learning quality and achieve impact for learners, organizations and in society?] In M. Duran, T. Amiel, & C. Costa (Eds.), Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta (pp. 499-545). Campinas: & Niterói: UNICAMP & UFF.

PY - 2018

Y1 - 2018

N2 - O presente capítulo discute a necessidade atual de mudanças educacionais devido a seu status de direito humano e bem comum, bem como introduz a Educação Aberta como um conceito que atende a tal demanda. Discute-se que a introdução da “abertura” (acessibilidade) promovida pela Educação Aberta tem melhorado seu elemento central, a qualidade da aprendizagem, ao facilitar e promover a inovação na aprendizagem e a mudança educacional. A análise de duas linhas concorrentes de inovação da aprendizagem e suas histórias leva à conclusão de que uma mescla é essencial para a qualidade da aprendizagem, que vai além de ambas as correntes por si só, o que é o mais importante para o sucesso da aprendizagem. Acesso Aberto, Recursos Educacionais Abertos (em inglês, Open Educational Resources – OER) e Cursos Online Abertos em Massa (em inglês, Massive Open Online Course – MOOCs) são conceitos proeminentes para Educação Aberta ao redor do mundo. Ao todo, nove dimensões de Abertura podem ser diferenciadas como base fundamental para a Educação Aberta e para o desenvolvimento de instrumentos e ferramentas a ela relacionados. Como exemplo de uma dessas dimensões (por exemplo, padrões abertos), as categorias de processo de normas de qualidade ISO/IEC 40180 (anterior ISO/IEC 19796-1) são modificadas para a Educação Aberta. Após esta definição, o breve panorama histórico da Educação Aberta apresenta seu progresso pelos últimos 4,000 anos. O objetivo deste artigo é analisar a Educação Aberta, de acordo com as três dimensões de qualidade adaptadas e aplicadas aos níveis macro, meso e micro. Essa análise tem levado ao desenvolvimento do quadro da Educação Aberta, integrando esses aspectos relevantes de qualidade, e usado como referência para categorias de processo modificadas. O Quadro da Educação Aberta pode servir como instrumento de guia para a complexidade da Educação Aberta e no desenvolvimento futuro de ferramentas relevantes. Finalmente, grandes movimentos e iniciativas em prática, bem como políticas de Educação Aberta e seus impactos são apresentados e discutidos em relação a seu impacto na pesquisa e na sociedade.

AB - O presente capítulo discute a necessidade atual de mudanças educacionais devido a seu status de direito humano e bem comum, bem como introduz a Educação Aberta como um conceito que atende a tal demanda. Discute-se que a introdução da “abertura” (acessibilidade) promovida pela Educação Aberta tem melhorado seu elemento central, a qualidade da aprendizagem, ao facilitar e promover a inovação na aprendizagem e a mudança educacional. A análise de duas linhas concorrentes de inovação da aprendizagem e suas histórias leva à conclusão de que uma mescla é essencial para a qualidade da aprendizagem, que vai além de ambas as correntes por si só, o que é o mais importante para o sucesso da aprendizagem. Acesso Aberto, Recursos Educacionais Abertos (em inglês, Open Educational Resources – OER) e Cursos Online Abertos em Massa (em inglês, Massive Open Online Course – MOOCs) são conceitos proeminentes para Educação Aberta ao redor do mundo. Ao todo, nove dimensões de Abertura podem ser diferenciadas como base fundamental para a Educação Aberta e para o desenvolvimento de instrumentos e ferramentas a ela relacionados. Como exemplo de uma dessas dimensões (por exemplo, padrões abertos), as categorias de processo de normas de qualidade ISO/IEC 40180 (anterior ISO/IEC 19796-1) são modificadas para a Educação Aberta. Após esta definição, o breve panorama histórico da Educação Aberta apresenta seu progresso pelos últimos 4,000 anos. O objetivo deste artigo é analisar a Educação Aberta, de acordo com as três dimensões de qualidade adaptadas e aplicadas aos níveis macro, meso e micro. Essa análise tem levado ao desenvolvimento do quadro da Educação Aberta, integrando esses aspectos relevantes de qualidade, e usado como referência para categorias de processo modificadas. O Quadro da Educação Aberta pode servir como instrumento de guia para a complexidade da Educação Aberta e no desenvolvimento futuro de ferramentas relevantes. Finalmente, grandes movimentos e iniciativas em prática, bem como políticas de Educação Aberta e seus impactos são apresentados e discutidos em relação a seu impacto na pesquisa e na sociedade.

KW - Educação Aberta

KW - qualidade de aprendizagem

KW - impacto

KW - alunos

KW - organizações

KW - sociedade

KW - OpenEd Framework

KW - OER

KW - MOOCs

KW - MOOQ

KW - Open Education

KW - learning quality

M3 - Chapter

SP - 499

EP - 545

BT - Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta

A2 - Duran, Maria

A2 - Amiel, Tel

A2 - da Costa, Celso

PB - UNICAMP & UFF

CY - Campinas: & Niterói

ER -

Stracke CM. Como a Educação Aberta pode melhorar a qualidade de aprendizagem e produzir impacto em alunos, organizações e na sociedade? In Duran M, Amiel T, da Costa C, editors, Utopias and Distopias da Tecnologia na Educação a Distância e Aberta. Campinas: & Niterói: UNICAMP & UFF. 2018. p. 499-545